Páginas

Isto não é um tênis paraguaio é um Legítimo ADIDAS que tem cara de paraguaio!

Quando você for a uma loja como na Carioca Calçados Ltda aqui de Florianópolis SC comprar um tênis de marca, achando que está comprando verdadeiramente um calçado de boa qualidade como um tênis ADIDAS por exemplo, saiba quais as garantias que você está tendo deste fabricante pela compra de um bom tênis:

A ADIDAS dá ao consumidor uma garantia de 30 dias pela devolução de seus produtos com defeito vendidos em quaisquer um de seus representantes e isto é um fato, desde que voce não os use, tenha a Nota Fiscal e o envólucro ou selo do produto.

Mas o absurdo não termina aqui, isto porque depois dos 30 dias caso você tenha comprado uma bomba como esta da foto ao lado com (vício de fabricação), terá que mandar consertá-lo numa sapataria qualquer, porque a ADIDAS simplesmente não lhe repõe aquilo que você comprou errado ou seja, uma bucha da ADIDAS que simplesmente descola no segundo mes por simples vício de construção do calçado!

Podem V. Sas, imaginarem que não se trata de um ADIDAS paraguaio, é uma bucha legítima da ADIDAS que se parece muito com os falsificados que se compra na 25 de março em São Paulo SP!

Eu gostaria muito que a ADIDAS se pronunciasse a respeito deste produto que descola no segundo mes de uso e obriga os consumidores a apresentar Nota Fiscal, e Embalagem e ainda alega que só troca antes dos 30 dias desde que o objeto não tenha marcas de uso!

Se Ramsés ou Tutancamon tivessem comprado um tênis ADIDAS a quatro mil anos atrás, e hoje descoberto pelos arqueólogos que o tênis não foi usado, com certeza o tênis poderia até ter virado pó com o passar de todos estes anos, mas se tivesse guardadinho e sem uso dentro de uma caixa, com certeza não teria descolado a sola!

Brasil um País dormente, deitado eternamente em berço esplêndido!

Do início de 2017 até a presente data,o total de crimes contra à vida no Brasil é igual ou superior ao mesmo período em 2016.

Some-se isso ao fato preocupante da estrutura policial, tanto civil como militar, em todo o país, estar entre as piores do mundo.

Tal afirmação não é minha, esse relatório foi feito e apresentado em conformidade com a Estratégia Nacional de Justiça e Segurança Pública, pois somos o país da Impunidade, das  estatísticas e da corrupção institucionalizada, tudo isso para nos cobrir de vergonha no cenário internacional.

Todas as vezes em que o Estado se omite em promover a justiça de forma rápida e com isonomia, essa omissão se torna comum, já não causando surpresa ao cidadão que passa a tê-la como regra.

Tudo isso leva o cidadão a agir em causa própria, as vezes agindo com violência praticando o linchamento medieval.

Não há como censurar essa atitude quando o delito perpetrado contra o cidadão extrapola o limite do humanamente tolerável, fazer cumprir a lei de forma imparcial e pronta é o que se espera do Estado.

Infelizmente o Brasil se acha perdido no Judiciário com milhares de leis e portarias, e tê-las sem fazê-las cumprir é o contraditório, é o desequilíbrio democrático.

Há que se elogiar nossos ancestrais donos do Brasil que mesmo sem a civilidade de que somos titulares, faziam cumprir as suas leis naturais e tribais, pois todos eram iguais perante a lei sem foro privilegiado, e as sentenças, dadas pelo conselho dos anciãos embora bárbaras eram cumpridas ao pé da letra.

No meu entender, as pessoas  ditas e tidas civilizadas, estão mudando é de atitude e reconhecendo outros valores diante de um Estado fraco, desacreditado omisso e inerte diante da bandidagem e do crime organizado.

Fica evidenciado que as nossas instituições jurídicas protegem os bandidos com flores enquanto a população esta sendo  exterminada como se fossem insetos.

Sem o concurso do Estado o cidadão parte  para fazer justiça com as próprias mãos.

Será que estamos vivendo um Estado de direito ou uma malta de juristas fracos dominados pelo crime organizado?      Há no ar um clamor nacional cada vez maior por justiça rápida e pelo fim da impunidade.

O judiciário se mantém omisso, e a marginalidade com propriedade e descaramento diz: “ESTÁ TUDO DOMINADO” O bandido diante das autoridades coautoras  zombam de forma aviltante, com  absoluta certeza que em breve voltará às ruas para novamente delinquir ainda de forma mais violenta sem o receio de voltar a ser punido.

Esta é a sociedade em que nós vivemos até a próxima bala perdida, ou estupro de um vulnerável da nossa família, isso sem falar num bem quaisquer, que poderá  ser roubado de um cidadão para ser moeda de  troca em alguma dessas cracópolis da vida.

Se o Estado se negar em  socorrer o cidadão de forma rápida e sem burocracia, o linchamento passará a ser um procedimento  de último recurso.

Por: Gilvan Barbosa Gama   Piúma ES

Temer perderá seu mandato por improbidade administrativa!

Conde Drácula da atualidade, nosso presidente Michel Temer, tem se mostrado que anda mesmo na contra-mão da democracia!

De forma esperta e ardilosa tratou de colocar impunidade emergencial em Moreira Franco, “convidando-o para assumir o Ministério da Casa Civil” sabendo que Moreira também sabe de muita coisa que nós já estamos cansados de saber, somente o TSE e o STF é que se mantém reticentes.

Moreira Franco o GATO ANGORÁ citado em delação premiada, é investigado na Lava Jato por vários crimes inclusive contra a Petrobrás assim como outros ministros capachos como Bruno Araújo, Gilberto Kassab, Helder Barbalho, João Magalhães, Marcos Pereira, Raul Jungmann e Ricardo Barros.

Michel Temer prova a cada dia que tem mesmo pacto com Satanás, mas nós estamos de ôlho nas falcatruas tanto deste governo quanto dos anteriores, assim como de ôlho no TSE e no STF!

Saudações alvinegras a todos!

O ELEFANTE BRANCO NA SALA DO TSE!

O elefante está na sala, e é tão grande que o TSE nem o STF conseguem enxergá-lo.

A chapa Dilma-Temer deverá ser absolvida por…pasmem…por excesso de provas, como disse o jornalista Josias.

Temer certamente vai garantir nesta esfera o seu mandato espúrio.

Num improvável sentido contrário… por enquanto…teríamos eleições indiretas..e….Rodrigo Maia… Eunício….ui! Sangra, Brasil!

Por: Waltamir Kulkamp – Florianópolis SC

LISTA DOS POLÍTICOS CORRUPTOS AINDA EM EXERCÍCIO

A foto ao lado de uma escolinha modelo de Alagoas, nos passa a impressão nojenta de leões famintos lambendo a vítima!

Mas isto é apenas  um espelho com muita clarevidência, de quem são os canalhas que hoje interrompem desaforadamente nosso lazer, adentram nossas residencias de cara lavada fazendo propaganda eleitoral!

Todos os relacionados abaixo estão indiciados e aguardando decisão da encebada justiça brasileira, por crimes desvio de verbas, ações penais, inquéritos por falsificação de documentos, crimes contra a Petrobrás, crimes de responsabilidade, peculato, envolvimento com empreiteiras, crime eleitoral, improbidade administrativa, crime contra a ordem tributária, apropriação indébita, crime eleitoral, envolvidos no escândalo das ambulâncias, mensalão, crimes contra o sistema financeiro, crime contra as fundações CAIXA, Banco do Brasil, Correios e Petros, falsidade ideológica e Lavagem de dinheiro.

Portanto anote o nome do politico de sua região e sele o destino do desgraçado, não permitindo que ele se mantenha na vida pública!

Caso ainda esteja em dúvida, acesse a internet e pesquise por um Brasil menos corrupto!

DEPUTADOS FEDERAIS

ADALBERTO CAVALCANTI PTB PE
ADEMIR CAMILO PODE MG
AELTON FREITAS PR MG
AFONSO HAMM PP RS
AFONSO MOTTA PDT RS
AGUINALDO RIBEIRO PP PB
ALEX CANZIANI PTB PR
ALFREDO KAEFFER PSL PR
ANIBAL GOMES MDB CE
ANTONIO BRITO PSD BA
ARTHUR CÉSAR PEREIRA DE LIRA PP AL
ARTHUR OLIVEIRA MAIA(TUCA)  PPS BA
ARTHUR VIRGÍLIO BISNETO PSDB AM
BENJAMIN MARANHÃO SD PB
BETO MANSUR PRB SP
BONIFÁCIO DE ANDRADA PSDB MG
CARLOS BEZERRA PMDB MT
CELSO RUSSOMANNO PRB SP
CHICO ALENCAR PSOL RJ
CLARISSA GAROTINHO PR RJ
CLÉBER VERDE PRB MA
DANIEL ALMEIDA (COMUNA) PC do B BA
DARCÍSIO PERONDI PMDB RS
DILCEU JOÃO SPERAFICO PP PR
EDUARDO DA FONTE PP PE
FÁBIO FARIA PSD RN
FELIPE MAIA DEM RN
FLAVIANO MELO PMDB AC
GIACOBO   (FERNANDO LUCIO GIACOBO) PR PR
GONZAGA PATRIOTA PSB PE
HERÁCLITO FORTES (BOCA MOLE) (HIPOPÓTAMO) PSB PI
JAIME MARTINS PSD MG
JANDIRA FEGHALI PC do B RJ
JEFFERSON CAMPOS  PSD SP
JERÕNIMO GOERGEM PP RS
JOSÉ CARLOS ALELUIA (MISSA) DEM BA
JOSÉ MENTOR  PT SP
JOSÉ OTÁVIO GERMANO PP RS
JOSÉ PRIANTE PMDB PA
JOVAIR ARANTES PTB GO
JÚLIO CÉSAR DE CARVALHO LIMA PSD PI
JÚLIO LOPES PP RJ
LAURA CARNEIRO PMDB RJ
LAZARO BOTELHO MARTINS PP TO
LUCIO VIEIRA LIMA (bitelo) PMDB BA
LUIS CARLOS HEINZE PP RS
LUIZ FERNANDO FARIA PP MG
LUIZ SÉRGIO PT RJ
MARCO MAIA PT RS (GREMISTA)
MÁRIO NEGROMONTE JR. PP BA
MISSIONÁRIO JOSÉ OLIMPIO DEM SP
NELSON MEURER PP PR
NILTON CAPIXABA  PTB RO
PAES LANDIM (DECREPTO) PTB PI
PAULO FEIJÓ PR RJ
PAULO MAGALHÃES (GOLEIRO) PSD BA
PAULO PEREIRA SILVA (PAULINHO DA FORÇA) SD SP
PAULO PIMENTA PT RS
PAULO SALIM MALUF PP SP
POMPEO DE MATTOS PDT RS
RENATO MOLLING PP RS
ROBERTO BALESTRA PP GO
ROBERTO BRITTO PP BA
RODRIGO MAIA (BOTAFOGO) DEM RJ
ROGERIO MARINHO PSDB RN
ROMULO GOUVEIA PSD PB
SARAIVA FELIPE PMDB MG
SERGIO MORAES PTB RS
SERGIO ZVEITER PMDB RJ
SIMÃO SESSIM PP RJ
VANDER LOUBET PT MS
WALDIR MARANHÃO PP MA
WELLINGTON ROBERTO PR PB
WLADIMIR COSTA SD PA
ZÉ GERALDO PT PA

SENADORES

AECIO NEVES PSDB MG
ANA AMELIA PP RS
ANTONIO ANASTASIA PSDB MG
BENEDITO DE LIRA PP AL
CASSIO CUNHA LIMA PSDB PB
CIRO NOGUEIRA (CERRADO) (PEQUI) (HELICOPTERO) PP PI
EDISON LOBÃO (AMIGO DA ONÇA) PMDB MA
EDUARDO BRAGA PMDB AM
EUNÍCIO OLIVEIRA (INDIO) PMDB CE
FERNANDO COLLOR DE MELO  PTC AL
FLEXA RIBEIRO  PSDB PA
GARIBALDI ALVES PMDB RN
GLADSON CAMELI PP AC
GLEISI HOFFMANN PT PR
HUMBERTO COSTA (DRÁCULA) PT PE
JADER BARBALHO PMDB PA
JOSÉ AGRIPINO (PINO) (GRIPADO) DEM RN
KATIA ABREU PMDB TO
LÍDECE DA MATA PSB BA
LINDBERGH FARIAS PT RJ
LÚCIA VÂNIA  PSB GO
OMAR AZIZ PSD AM
PAULO ROCHA PT PA
RENAN CALHEIROS (ATLETA) OU (JUSTIÇA) PMDB AL
ROMERO JUCÁ (CACIQUE) OU (CAJU) PMDB PR
SERGIO PETECÃO PSD AC
WELLINGTON FAGUNDES  PL MT
ZEZE PERRELLA PTB MG

O que há de comum entre a cracolândia e a corruptolândia é que ambos são viciados!

Teimosia do grudento Temer pelo poder,muda Ministro da Justiça.

O recém nomeado Ministro da Justiça Torquato Jardim,amigo íntimo e pessoal do “esfrega mãozinha”, na sua primeira entrevista à mídia como Ministro da Justiça, já enfiou os dois pés na jaca,mostrando ao que veio.

Deixou transparecer na entrevista seu ponto de vista pessoal de que em breve os brasileiros dirão adeus à lava a jato.Entre as muitas ponderações pessoais no mínimo estranhas ao cargo,afirmou que doações legais ou ilegais para partidos nas campanhas políticas, a ele não interessava sabê-las lícitas ou produto de propina ou furto, desde que elas estejam contabilizadas no comitê partidário de acordo com a lei eleitoral.

Existem leis para doações legais mas inexistem leis para para caixa dois,que são a quase totalidade das doações.Pelo que foi passado na entrevista,caixa dois passa ser uma mera casualidade e não é mais uma figura de ilicitude quando declarado,isso de acordo o Sr. Ministro da Justiça.

Segundo Dr. Torquato Jardim, quando um advogado recebe em espécie os honorários devidos aos seus préstimos jurídicos, o advogado recolhe o dinheiro,passa o recibo,recolhe o imposto pertinente e fim de assunto ou cobrança ao mesmo.Ao advogado não interessa a origem do dinheiro que recebeu como paga pois,dele já foi tributado, e no mais dane-se o fisco e o Brasil.Essa é minha conclusão pelo que entendi da entrevista. Tudo isso, salvo melhor juízo.

Esses juristas renomados,urgentes e de última hora,cobram milhões de reais pelos serviços prestados aos seus clientes, mas esse dinheiro pela quantidade foge às origens, e também às vistas e ao controle do Fisco,normalmente sacados para pagamentos desses honorários em paraísos fiscais por doleiros, laranjas e marqueteiros.Trata-se de muito dinheiro,e aqui no Brasil ele seria facilmente rastreado.

Por tudo isso e mais “alguma coisa,”minha ótica já não é a mesma do Dr.Torquato Jardim.Dinheiro sujo,produto de propina ou desviado dos cofres públicos,deveria ser confiscado na origem e jamais ser reconhecido pela lei como paga de honorários em defesa da choldra canalha que o Juiz Sérgio Moro e a PF querem tirar de circulação para o bem do Brasil.

Sr. Ministro, dinheiro com origem suja é produto de ilícito,que deve ser rastreado e descontaminado não podendo ser usado como pagamento de honorário advocatício na defesa de canalhas declarados que furtaram o país,mas devolvido à saúde,educação,segurança e onde mais ele se fizer necessário,ou estiver fazendo falta.

Enquanto isto, numa Agencia Bancária a Lei Federal, obriga a todos os cidadãos brasileiros a informarem a origem e o motivo dos depósitos e saques de volumes expressivos acima de 10 mil reais, a fim de combater a lavagem de dinheiro, mas isto só serve para os cidadãos honestos, e como o novo ministro passa a ser mais um dos canalhas capacho babão deste governo corrupto, o que vale é apenas aquilo que interessa ao seu próprio bolso.

No dia 6 de junho os brasileiros esperam por uma decisão firme do STF, e para que deixem de ser um bando de museus cagões e expulsem de uma vez por todas  esta cambada de ladrões do País!

Por Dr Gilvan Barbosa Gama.
Piúma-ES.

Eliseu Padilha mais um gatuno descendo do barco!

O governo de Michel Temer começou a desmoronar já em fevereiro do corrente ano. Isso porque o melhor amigo de Temer, o empresário José Yunes, decidiu delatar o segundo melhor amigo de Temer, que era o ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha.

Em entrevista à revista Veja, Yunes afirmou ter sido “mula” de Padilha.

Mula é uma expressão usada no tráfico de drogas. O termo se refere ao indivíduo que, conscientemente ou não, transporta droga em seu corpo, geralmente para outros países.

Yunes, que era assessor especial da presidência da República, foi citado na delação premiada de Claudio Melo Filho, da Odebrecht, e foi forçado a deixar o cargo. Ele foi citado porque R$ 4 milhões dos R$ 11 milhões pedidos por Temer à Odebrecht, em pleno Palácio do Jaburu, teriam sido entregues em seu escritório de advocacia. O dinheiro saiu do departamento de propinas da empreiteira.

Com a entrevista deste em fevereiro, Yunes tenta limpar a sua barra e joga a bomba no colo de Padilha, que se torna insustentável no comando da Casa Civil – a menos que o procurador-geral Rodrigo Janot tivesse se decidido em não denunciá-lo.

Em seguida Temer convida Padilha para assumir o Ministério da Secretaria da Aviação Civil e que nesta segunda feira 22 de maio 17 o mesmo ministro, pede exoneração.

Só pra lembrar àqueles que tem memória curta, Eliseu Padilha mesmo tendo sido escolhido por Temer para seu Ministro, respondia Inquerito 2097 por corrupção passiva.

Fica claro a insustentabilidade do governo, assim de como seus capachos encabidados, e se atentarmos bem para os fatos, parece-nos existir uma conivência muito cristalina e sinistra nesta suruba, entre a camarilha Temer, Odebrecht, JBS, OAS, Andrade & Gutierres, Claudio Melo Filho, Geddel Vieira Lima, Renan Calheiros, Eduardo Cunha e o próprio STF, envolvendo propinas vultuosas, sendo usado como palco, o Palácio do Jaburú, isto nos parece muito claro, visto o excessivo numero de trambiques envolvendo a mais alta cúpula da administração pública e as ações pacíficas e muito brandas do STF esta cambada de museus lerdos com suas togas e suas mentes tão mofadas quanto!

A mais insuspeita opinião sobre a autenticidade de trechos essenciais da gravação feita por Joesley Batista de conversa com Michel Temer foi pronunciada pelo próprio presidente. Em entrevista publicada hoje na ”Folha de S. Paulo e em discurso no sábado, Temer desqualificou audio, mas confirmou as passagens mais comprometedoras.

A entrevista aos repórteres Daniela Lima, Marina Dias e Fábio Zanini é esclarecedora. Temer assinalou ter ouvido ”uma frase dele [Joesley] em que ele dizia ‘Olhe, tenho mantido boa relação com o [Eduardo] Cunha”’. O presidente afirmou ter retrucado ao empresário: “Mantenha isso”

Por que recomendaria ao sócio do conglomerado JBS manter ”boa relação” com um criminoso, ex-presidente da Câmara, encarcerado?

Uma das passagens mais estarrecedoras da conversa foi a confissão de Joesley Batista sobre tentativa de corrupção ou corrupção efetivada de juízes de direito e procurador da República.

É Michel Temer quem endossa o diálogo o diálogo gravado: ”Ele falou que tinha (comprado) dois juizes e um procurador”.

Na entrevista à ”Folha”, Temer aparentou debochar da capacidade de discernimento dos cidadãos.

Em sua defesa, alegou:  ”Ontem mesmo o Eduardo Cunha lançou uma carta em que diz que jamais pediu [dinheiro] a ele [Joesley] e muito menos a mim”.

Os entrevistadores questionaram Temer: ”É moralmente defensável receber tarde da noite, fora da agenda, um empresário que estava sendo investigado?” A resposta: ”Eu nem sabia que ele estava sendo investigado”. Alguém acredita? Se for verdade, o presidente trai condição de incapaz para exercer a função.

O Presidente que deu um coice no país e deixou a marca de suas ferraduras!

Este inergúmino diz que só sairá da presidência se for mandado embora!

Pois então, os brasileiros irão colocá-lo para fora de seu pedestal;  imbecil!

O Brasil não lhe pertence, não pode nem deve ser usado como moeda de troca para ladrões que se utilizam de recursos do BNDS  para lucrar com empréstimos contraídos de dinheiro público a baixo custo como fez a JBS e tantas outras neste lamaçal de irregularidades com conivência dos idiotas de plantão,  e depois lastreá-lo em dólares, revendendo o dinheiro tomado dos brasileiros, e porísso o desejo imenso dos ratos de esgoto, que os juros sejam baixados ainda mais para o óbvio enriquecimento ilícito, com a complacência do capacho presidente da nação em negociatas no calar da noite!

Vamos colocá-lo pra fora na marra Michel Temer, seja por eleições indiretas e ou diretas ou mesmo por golpe militar, você perdeu toda a credibilidade, és um ladrão contumaz, uma temeridade e não temos mais respeito por você canalha!

Contudo a eventual candidatura de Carmen Lucia, presidente do STF, para substituir Michel Temer meio de eleição indireta no Congresso é vista com reservas por integrantes do tribunal. O nome dela tem sido considerado por partidos como o do PSDB.

Um dos magistrados afirmou a coluna do jornal Estado de São Paulo, acreditar que um desfecho com Carmen Lucia candidata a presidente poderia dar a impressão de que o STF se movimentou para isso, o que comprometeria a credibilidade do tribunal, que convenhamos já perdeu a credibilidade hà muito tempo, uma vez que são um bando de museus cagões com suas togas fedendo a merda.

Dois outros magistrados acreditam que ela sequer poderia concorrer pois regras eleitorais exigem que candidatos deixem cargos públicos seis meses antes de uma eleição.   Não há, no entanto, uma lei específica sobre um pleito presidencial indireto depois do afastamento de dois presidentes, situação inédita no país.    Isto obviamente nos sugere um candidato dentre o público em geral, ou seja um brasileiro maior, que esteja em pleno gôzo de seus direitos civís, ou uma intervenção militar sumária, uma vez que a população exige que a administração atual deixe imediatamente o poder, por ingovernabilidade já comprovada, por ladroagem e incompetência.

Um deles chega ao ponto de afirmar que a presidente do STF não teria o perfil e a personalidade adequados para assumir o comando do país em situação de crise aguda.

Portanto, neste caso em particular poderíamos eleger um cavalo e ainda assim o Brasil seria muito melhor administrado!

Até tu COLOMBUS BRUTUS, ordinário!

O que diz o delator da JBS:
.
Olhei pro Joesley, olhei por governador, os dois balançaram a cabeça, assentindo. Chegamos a um número de R$ 10 milhões. Nós pagamos R$ 8 milhões dessa propina dissimulada em forma de pagamento no PSD nacional carimbado pra candidatura do Raimundo Colombo e R$ 2 milhões foram pagos em dinheiro vivo lá em Florianópolis mesmo. Eu não posso afirmar se foi o Gavazzoni quem buscou o dinheiro ou se foi um mensageiro dele, mas o dinheiro foi entregue num supermercado que nos ajudou sem saber de nada, pagando em espécie como se fosse uma nota fiscal nossa de R$ 2 milhões.
.
O que diz o governador Raimundo Colombo (PSD):
.
O governador de Santa Catarina, Raimundo Colombo, contesta com veemência as declarações feitas pelo delator da JBS sobre doações relativas à campanha eleitoral de 2014.Ressalta que a empresa, conforme a legislação eleitoral vigente, fez doações ao diretório nacional do PSD, que repassou para a campanha do partido em SC. A doação feita pela JBS foi dentro da legislação eleitoral de forma oficial na conta bancária do partido e está registrada na prestação de contas apresentada e aprovada pelo Tribunal Regional Eleitoral.
.
O que os catarinenses querem saber do governador:
.
Porquê justamente receber propina de dois milhões num Supermercado ?
Tanto lugar seguro, mas logo num lugar onde ninguem pudesse suspeitar ?
Porquê ir para São Paulo fazer negociata num hotel?
.

Tudo termina em Pizza quando há desvio de finalidade!

Abandonei a advocacia há exatos 51 anos e me dediquei a Apiterapia .Consegui suportar o Forum por exatos 730 dias após prestar o exame da Ordem que na época era chamado de Comprovação de Estágio Forense, descontando o recesso de 60 dias anual dos dois anos que militei,advoguei 670 dias.

Deixei a profissão não por incompetência, mas por senti-la contrária aos meus ideais de Direito, Justiça e Cidadania.  Não suportei o comércio das leis nem a mediocridade jurídica da qual eu teria que ser partícipe para viver e conviver na profissão com os demais advogados.

Jamais,durante o tempo em que advoguei, pedi vênia a quem quer que fosse para invalidar ou mudar meu ponto de vista jurídico baseado em norma legal vigente.Em suma,pensei que ao me graduar teria grandes embates com meus pares onde para mim o vil metal não seria o escopo da lide e sim uma mera consequência dela,isso de lado a lado.

Ledo engano meu, tudo na Casa da Justiça era e ainda é resolvido mediante paga.Podem passar séculos,mas o Direito, o bom senso e a lógica formal sempre caminharão juntos e aversos a cifras.Por este motivo e não outro que continuo a  assistir a lei se afogar em recursos, sufrágios absurdos, prescrições e tantos outros expedientes procrastinantes que transformam as lides, tanto na área cível como na área penal em fatos onde as sentenças e decisões,mediante paga, levam anos para acontecer.

Tenho este fato dentro da minha casa. Minha esposa é requerente em um recurso na área cível que já se arrasta por três anos e meio sem uma definitiva decisão.Segundo o Estatuto do idoso,por ela ter mais de 60 anos,existe para ela prioridade no andamento do processo em todas as instâncias.É exatamente aí que eu esbarro no Judiciário  que não cumpre a lei, embora seja o último degrau decisório.É lamentável, e daqui para frente o que há de se aguardar?

No caso do Libertino e alambicável  Luiz Inácio Lula da Silva, eu tenho procurado adequar sua administração à figura jurídica da<<<GESTÃO  TEMERÁRIA e do DESVIO DE FINALIDADE>>> tais figuras calçam como luvas à sua falácia administrativa.

Diante de inúmeros escândalos envolvendo o Ex Presidente Lula,a Sra.Dilma e os demais petistas de plantão,poderíamos filtrar 70% desses escândalos na peneira da gestão de risco,como também na peneira do desvio de finalidade.O país economizaria verba pública,desgaste do STJ<< também comprometido pelas nomeações políticas>>e sem dúvida muitos corruptos já estariam nas penitenciárias.No caso do Sr. Lula,que nada sabe mas tudo pode,sabemos que na era PT e pós Dilma,ele tentou gerir o Brasil, como geriu o Sítio em Atibaia.(não é meu, mas sou o proprietário).Não justificou o que fez nem porque o fez.O Sr. Lula e séquito, desconhecem a “TEORIA DOS MOTIVOS DISTINTOS”onde todos os atos daqueles que administram bem público devem ser justificados,caso contrário serão considerados inválidos.Senhores Promotores de Justiça, estamos diante de um prato de primeira. Por que não degusta-lo?

DESVIO DE FINALIDADE>>>é a situação na qual o gestor público age ou decide fora das finalidades que a lei e a Constituição estabelecem para a máquina do Estado

Gilvan Barbosa Gama.

Piúma-ES

O GRITO QUE FICOU ENTALADO!

Os estoques de DORIL e DIPIRONA no dia 08 de Maio 17,  foram totalmente esgotados nas farmácias de Floripa!
Também pudera, na decisão do Campeonato Catarinense entre Chapecoense e Avaí, o técnico azurra, coloca para jogar, justamente um lutador de MMA com seu pé pra lá de torto, e que normalmente se esquece de jogar bola, e parte sempre quando pode  para uma contenda.
Desta feita, engoliu um caroço no jogo realizado em Floripa e engoliu outro ao perder de fazer um gol feito em Chapecó, sem goleiro e com a trave na sua frente, ficando com o grito entalado em sua garganta.
A partir daí, quase no fim do segundo tempo, tiraram a biba que queria dar uma de lutador do MMA em campo, retardando o jogo em 7 minutos de prorrogação, deixando a torcida anfitriã aflita e revoltada com a situação pela molecagem da gazela, mas não adiantou, a pakita da tia RBS foi substituída e fim de papo, o resultado se manteve pelo placar de 1 x 0 em prol do Avaí, pontos estes que não foram suficientes para emplacar o campeonato!
Agora a gazela passou a ser chamada pela tia RBS de Anjo Louro, também conhecida como Pakita da RBS, que está mais para lutador do MMA do que pra jogador!
Parabéns Chape por vencer com honra e determinação!
Ainda bem que a final do campeonato foi em Chapecó, não teve bomba caseira nem tijoladas!

Motociclistas & Motoqueiros

Qual a diferença entre um motociclista e um motoqueiro?

Muito simples identificar!

Motociclistas se comportam como motoristas, motoqueiros se comportam com aventureiros.

Motociclistas são educados, motoqueiros são mal educados e não respeitam as leis de trânsito.

Motociclistas se mantém em suas posições como um veículo qualquer, aguardando sua vez, motoqueiros avançam pelas laterais como se fosse dono dos espaços, arriscando sua própria vida.

Quando você se deparar com um “cidadão” que se diz vítima do trânsito pilotando uma motocicleta, passar por quaisquer uma das laterais de seu veículo e se meter na frente dele, trata-se de um motoqueiro e porísso a maioria da sociedade trata muitos motociclistas como motoqueiro.

Atente bem para o fato de que nos abalroamentos entre veículos e motos, para a justiça, fica caracterizado como atropelamento e não como abalroamento, e portanto se ocorrer com você que é motorista de veículo, adote os seguinte procedimentos:

Não faça nenhum acordo, principalmente com motoqueiros, exija a presença imediata da polícia para as medidas cabíveis, é para estas eventualidades que existem seguros.

Caso aceite prévio acordo, estará sujeito a ser processado pelo Ministério Publico, pois mesmo que se dirija a DP para registrar a ocorrência, pode se deparar com uma queixa antes da sua, pelo próprio motoqueiro que você atropelou, sob alegação que se evadiu do local, e o pior com várias testemunhas arranjadas, que por acaso são também seus colegas motoqueiros.

Caso haja danos na motocicleta, você será obrigado a restaurá-la na integra assim como ressarcir ao motoqueiro por danos físicos mesmo que você não seja o culpado.

Infelizmente em nossas rodovias existem muitos zé arruelas, pilotando tanto automóveis quanto motocicletas

Operação carne fraca da Polícia Federal

Se você adquiriu em quaisquer supermercados de sua região, carnes pertencentes a estes lotes, devolva-o para o supermercado onde comprou.

Ainda se perceber que existem unidades destes lotes nas prateleiras, exija a retirada imediata, mesmo que o supermercado diga que as carnes já foram vistoriadas, pois uma vez vistoriadas precisariam e ou deveriam receber novo carimbo SIF com outra numeração de lote.

Caso não tenha mais a nota de compras, mas a carne ainda esteja embalada, procure o supermercado onde comprou e mesmo assim, exija a substituição por outro lote!

Se o supermercado se recusar, procure o Procon!

A comercialização destes lotes de carnes, especificamente destes três frigoríficos, estão interditados até segunda ordem assim como os Frigoríficos sitados estão impedidos de atuarem no mercado externo, por falcatruas e propinagem com fiscais do SIF.

Habituados à rotina de escândalos, revelados a cada fase da operação Lava Jato – na qual os políticos são apontados como os principais transgressores, os brasileiros foram surpreendidos com mais um escândalo que atinge pelo menos duas das maiores empresas privadas brasileiras, ambas no ramo frigorífico: a JBS e a BRF, nas quais, segundo investigações da Polícia Federal, elas desempenham o papel de protagonistas.

Pelas siglas, pouca gente tomaria essas empresas como próximas do dia a dia de milhões de brasileiros, mas, pelo nome das marcas que controlam, pode-se supor que sejam conhecidas da maioria: Friboi, Seara e Swift  (marcas da JBS) – e Sadia e Perdigão (da BRF). Além dessas marcas, elas dispõem de dezenas de outros produtos alimentícios dos mais conhecidos, nos quais consumidores aprenderam a confiar.

Na chamada Operação Carne Fraca, a Polícia Federal investigou uma rede criminosa que adulterava os produtos e os validava com certificados sanitários emitidos de modo fraudulento por fiscais agropecuários do Ministério da Agricultura.

Descobriram-se coisas como a utilização de carnes podres e reembalagem de produtos vencidos; sendo que uma partida do produto, devolvida por autoridades sanitárias europeias – por estar contaminada com a salmonella – foi reaproveitada no Brasil. A salmonella é uma bactéria que pode provocar graves danos à saúde humana. Além disso, carne adulterada foi distribuída para a merenda de estudantes de escolas públicas do Paraná.

Claro que há funcionários públicos e políticos envolvidos, pois uma fraude dessa natureza não ocorreria sem esse concurso. Mas desta vez será muito difícil que os empresários envolvidos possam argumentar, como muitos fazem na Lava Jato, terem sido “obrigados” a fazer parte da estrutura da corrupção ou seriam impedidos de trabalhar para o governo.

As empresas negam as irregularidades, reação comum a todos os investigados pela Polícia Federal. Mas a JBS e a BRF terão de responder pela acusação de terem abusado da confiança de seus clientes, conforme aponta a investigação da Polícia Federal.

Infelizmente, vive-se uma situação em que não se sabe em quem confiar. De positivo, verifica-se ser cada vez mais difícil que os crimes fiquem impunes.

Extrato de Própolis, o Ovo do Colombo que a ANVISA não consegue coloca-lo de pé!

Acredito seja do conhecimento de muitos, que o extrato de própolis das abelhas funciona na profilaxia e no tratamento clínico das viroses e parasitemias  transmitidas por mosquitos hematófagos.

Se os idosos, gravidas de alto risco e pessoas alérgicas  aos ovos não podem receber a vacina contra a febre amarela, por que não dar a estas pessoas  o extrato de própolis para tê-lo no mínimo com um potente repelente atóxico contra os mosquitos AEDES,HEMAGOGUS SABETHES,ANOFELINO, e o CULEX QUINQUEFASCIATUS e tantos outros mais?

Creio eu, que é chegada a hora da prova dos nove, onde saberemos na prática da eficácia profilática e terapêutica  do apiterápico em questão.

Também acredito que se os alopatas infectologistas  forem consultados a respeito, dirão em uníssono tratar-se de mais uma GARRAFADA FOLCLÓRICA  INVEROSSÍMIL.

Porém se pesquisarem a fundo e ou com seriedade, sem se renderem a proninagem industrial, se darão conta de que os conceitos atuais precisam ser urgentemente revistos, precisam de mais humildade, e aceitar que a natureza nos disponibiliza fármacos naturais sem que tenhamos que ficar atrelados aos interesse de laboratórios internacionais.

O óbvio está na nossa frente, ele é palpável e não trata-se de uma mera garrafada folclórica tupiniquim e sim do metafórico “OVO DE COLOMBO” que a ANVISA não consegue colocá-lo de pé .

Raciocinando, pesquisando e agindo com  cidadania, eu consegui fazê-lo.

Colaboração: Dr Gilvan Barbosa Gama – Piúma ES

Apiterapeuta Olístico

Tsunami da Lava Jato

Empregados do alto escalão da Odebrecht mais Operação Lava Jato, apertam o cêrco,  e uma grande tsunami ameaça a fragilidade dos 594 ( quinhentos e noventa e quatro ) ratos de esgoto do governo brasileiro citados até agora.

Se apurarmos os fatos irão aparecer  mais ainda, e os valores até agora mostrados são infimamente pequenos em relação ao assalto que estes pulhas fizeram ao Brasil e ao povo brasileiro seja através de empreiteiras corruptas ou seja pelo próprio governo para aprovar medidas pra lá de espúrias.

Não temos nós brasileiros, a mínima noção do assédio que fazem vereadores e secretários dos aspone nas Prefeituras nos Governos Estaduais e Federl sobre as empresas prestadoras de serviços, pedindo propinas para campanhas eleitorais “eleitoreiras” e as chantagem que estas empresas, muitas delas de pequeno porte são submetidas, quando já prestaram os serviços e dependem da liberação do dinheiro para continuarem sobrevivendo.

Segue aí o diário de Rodrigo Janot, agregado a lista de Edson Fachin dos gatunos que permeiam nossa administração pública, dentre eles alguns catarinenses bem conhecidos como: Antonio Ceron – Secretário da Casa Civil, Raimundo Colombo, Governador do Estado, Carlito Mers ex Pref Joinville, Cesar Souza Junior ex Pref Florianópolis, e Jaison Cardoso Pref Imbituba, além de alguns parlamentarecos de bosta

Esta farra de caixa 2 aceita por conluio leviano dos tribunais, tem que parar,  e o dinheiro roubado tem que ser repatriado com urgência, sob pena de falência do País, pois aceitar contabilização de propina é ser conivente com o roubo assumido contra a própria nação e contra o povo brasileiro!

http://folhanobre.com.br/2016/03/23/lista-das-propinas-lava-jato-encontra-documento-da-odebrecht-com-200-politicos/25787

http://g1.globo.com/pr/parana/noticia/2015/07/justica-federal-aceita-denuncia-contra-executivos-ligados-odebrecht.html

Arquivos próprios:

Abelardo Camarinha Dep Estadual Cassado pelo TER
Abelardo Lupion Ex Deputado – Fora da Camara
Adalberto Cavalcanti Dep Federal ativo
Adalberto Souza Galvão PSB BA Dep Federal Ativo
Adeli Sell PT RS Vereador em Porto Alegre (RS)
Ademar Delgado PT BA Prefeito de Camaçari
Ademir Camilo PTN MG Dep Federal ativo
Ademir Lucas, ou “Demir” PSDB MG Ex-prefeito de Contagem (MG) e ex-deputado federal
Ademir Prates Depuado fora da Canara
Adriano Gilberto Mauro PSDB MG Funcionário da COAF
Aécio Neves PSDB MG Senador 7,3 milhões
Aelton Freitas PR MG
Afonso Hamm PP RS Deputado federal
Afonso Motta PDT
Agaciel Maia Diretor do Senado
Agnelo Queiroz PT DF Ex-governador do Distrito Federal e ex-ministro do Esporte
Aguinaldo Ribeiro PP PB Deputado federal
Aidan Ravin PSB SP Ex-prefeito de Santo André (SP)
Airton Roveda
Alberico Filho
Alberto Castro PTN BA Deputado estadual
Alcebíades Sabino PSC RJ Prefeito de Rio das Ostras (RJ)
Alceni Guerra
Alceste Almeida
Aldo Rebelo PCdoB SP Ex-ministro da Defesa
Alex Canziani
Alexandre José Berardinelli Arraes PSDB RJ Ex-candidato a vereador no Rio de Janeiro (RJ)
Alexandre Silveira PSD MG 1º Suplente do senador Antônio Anastasia (PSDB-MG)
Alfredo Kaeffer
Alfredo Nascimento PR AM 200 mil
Alfredo Sirkis sem partido RJ Ex-deputado federal
Alicia Neves PT RJ Ex-candidata a vereadora em Armazão dos Búzios (RJ)
Aline Correia
Almeida de Jesus
Almeida Lima
Almir Moura
Aloizio Mercadante PT SP Ex-ministro da Educação
Aloysio Nunes Ferreira PSDB SP 500 mil
Aluízio dos Santos Júnior PV RJ Prefeito de Macaé (RJ)
Amauri Casques
Ana Amélia Lemos PP RS Senadora
Ana Paula Lima PT SC 500 mil
André Corrêa PSD RJ Deputado estadual
André Puccinelli PMDB MS Ex-governador
Andre Zacharow
Angela Guadagnin
Anibal Gomes
Antero Paes de Barros Neto PSDB MT Ex-senador
Anthony Garotinho PR RJ Secretário de Governo na Prefeitura de Campos dos Goytacases (RJ)
Antonio Anastasia 7,3 milhões
Antonio Brito 100 mil
Antônio Carlos Magalhães Neto DEM BA Prefeito de Salvador
Antonio Carlos Pannuzio
Antonio Ceron
Antonio Donato PT SP Vereador em São Paulo (SP)
Antonio Joaquim
Antonio Palocci
Arlindo Chinaglia PT SP 10 milhões
Armando Abilio
Armando Monteiro PTB PE Senador e ex-ministro de Desenvolvimento
Arnaldo Jardim PP SP Secretário de Agricultura do estado de SP e deputado federal licenciado
Arolde de Oliveira
Arthur Cesar Pereira de Lira
Arthur Oliveira Maia PPS BA Deputado federal
Arthur Maia PPS BA 200 mil
Arthur Virgílio PSDB AM Prefeito de Manaus (AM)
Arthur Virgílio Bisneto PSDB AM Deputado federal
Asdrubal Bentes
Aspásia Camargo PV RJ Deputada estadual
Atila Jacomussi PCdoB SP Deputado estadual
Ayrton Xrez
Benedito de lira
Benedito Dias
Benício Tavares
Benjamin Maranhão
Bernardo Carli
Betinho Gomes PSDB PE Deputado federal  175 mil
Beto Albuquerque PSB RS Ex-deputado federal
Beto Mansur PRB SP Deputado federal 550 mil
Beto Richa PSDB PR Governador do Paraná
Bispo Rodrigues
Bispo Wanderval
Blairo Maggi PP MT 12 milhões
Bonifacio de Andrada
Bruno Araújo PSDB PE Ministro das Cidades e deputado federal licenciado 600 mil
Cabo Julio
Cacá Leão PP BA 100 mil
Cacau Gomes AL Não identificado
Caio Pereira Chaves
Candido Vacarezza PT do B SP  por solicitação de vantagem em prol de aquisição pel a PREVI
Carlos Dunga
Carlos Grana PT SP Prefeito de Santo André
Carlos Luciano Lopes
Carlos Magno
Carlos Martins PT BA Ex-candidato a prefeito de Candeias (BA)
Carlos Rodrigues
Carlos Souza
Carlos Todeschini PT RS Secretário municipal do Meio Ambiente de Canoas (RS) e ex-vereador em Porto Alegre (RS)
Carlos Zarattini PT SP Deputado federal 50 mil
Carmen Gandarela PT BA Ex-prefeita de Madre de Deus (BA)
Cassio Chebai
Cássio Cunha Lima PSDB PB Senador 800 mil
Cassio Taniguchi
Celso Russomano PRB SP Deputado federal 50 mil
Cesar Bertolini
César Maia DEM RJ Vereador do Rio de Janeiro 600 mil
Cesar Souza Junior PSD SC Prefeito de Florianópolis
Cezar Chirner
Chico Alencar
Chico da Princesa
Chiquinho de Zaira PMN SP candato a deputado federal por Santos (SP)
Cícero Lucena PSDB PB Ex-senador
Cid Gomes PDT CE Ex-governador do Ceará
Cid Gomes
Ciro Nogueira PP PI Senador 1,3 milhão
Ciro Tiziani Moura PTC SP Ex-candidato a governador e a prefeito de São Paulo (SP)
Clarissa Garotinho PR RJ Deputada federal
Cléber Verde
Cleiber Santana AL Não identificado
Cleonancio Fonseca
Clodovil Hernandes
Clóvis Fecuri
Coriolano Sales
Coronel Teatini PSD MG Ex-candidato a vereador em Ipatinga (MG)
Cristiano Matheus PMDB AL Prefeito de Marechal Deodoro (AL)
Cristina Carrara PSDB SP Prefeita de Sumaré (SP)
Custódio Campos PT SP Vereador de Paulínia (SP)
Dalírio Beber PSDB SC 500 mil
Daniel Almeida PCdoB BA Deputado federal 400 mil
Daniel Coelho, o “Comuna” PSDB PE Deputado federal
Daniel Vilela PMDB GO 1,5 milhões da Odebrecht
Darcísio Perondi
Dárcy Vera PSD SP Prefeita de Ribeirão Preto (SP)
Décio Lima PT SC 500 mil da Odebrecht
Delcidio do Amaral
Delubio Soares
Demóstenes Torres DEM GO Ex-senador
Dias Toffoli
Dilceu João Sperafico
Dilma Housseff
Dinha PSDB GO Ex-prefeito de Planaltina de Goiás (GO)
Djalma Berger
Donisete Braga PT SP Prefeito de Mauá (SP)
Doutor Heleno
Dr. Paulinho PV SP Ex-candidato a prefeito em Mogi Guaçu (SP)
Duarte Nogueira PSDB SP Secretário de Transportes do Estado de SP e deputado federal licenciado
Dudu Ronalsa PSDB AL Vereador em Maceió (AL)
Edinho Silva PT SP Ex-ministro da Comunicação Social da Presidência da República
Edir de Oliveira
Edmar Moreira
Edna Macedo
Esdon Andrino
Edson Ezequiel
Edson Lobão
Edson Moura PMDB SP Ex-prefeito de Paulínia (SP)
Edson Santos
Eduardo Alencar PSD BA Prefeito de Simões Filho (BA)
Eduardo Azeredo
Eduardo Braga PMDB AM 1 milhão
Eduardo Campos PSB PE Ex-governador de Pernambuco e ex-ministro da Ciência e Tecnologia (falecido)
Eduardo Canuto PV AL Vereador em Maceió (AL)
Eduardo Cunha PMDB RJ Deputado federal, atual presidente da Câmara dos Deputados
Eduardo da Fonte
Eduardo Gomes
Eduardo Paes, o “Nervosinho” PMDB RJ Prefeito do Rio de Janeiro (RJ) 16 milhões
Eduardo Seabra
Edvaldo Brito PSD BA Vereador em Salvador (BA) 200 mil
Elaine Costa
Elga Mara Teixeira
Elias Gomes PSDB PE Prefeito de Jaboatão dos Guararapes (PE)
Elimar Maximo Damasceno
Eliseu Padilha PMDB RS 4 milhões
Elizabeth Siraque PT SP Vereadora em Santo André (SP)
Enio Bacci
Enivaldo Ribeiro
Eoberto Brandt
Erico Ribeiro
Ernandes Amorin
Eron Bezerra PC do B AM marido de Vanessa Graziotin solicitou repasses para o Cx 2 de Vanessa para Odebrecht
Ettore Labanca PSB PE Presidente da Agência de Regulação de Pernambuco
Eunicio Oliveira PMDB CE 2 milhões
Fabio Branco PMDB RS Secretário estadual de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia
Fabio Faria PSB PE 200 mil
Fátima Cleide PT RO Ex-senadora
Felipe Maia
Fernando Bezerra Coelho, o “Charada” PSB PE Senador 1,205 milhão
Fernando Collor de Mello PTC AL 800 mil
Fernando Estima
Fernando Gonçalves
Fernando Haddad PT SP Prefeito de São Paulo (SP)
Fernando Henrique Cardoso
Fernando Marroni PT RS Suplente de deputado federal e ex-prefeito de Pelotas
Fernando Pimentel PT MG Governador de Minas Gerais
Fernando Soares
Firmino Filho PSDB PI Prefeito de Teresina
Flaviano Mello
Flexa Ribeiro
Francisco Chagas PT SP Ex-vereador de São Paulo (SP) e ex-candidato a deputado federal
Francisco Daniel Celeguim PT SP Prefeito de Franco da Rocha (SP)
Francisco Dornelles PP RJ Vice-governador do Rio de Janeiro
Francisco Manoel de Carvalho PMDB RJ Ex-candidato a deputado estadual (RJ)
Frederico Antunes PP RS Deputado estadual
Gabriel Chalita PMDB SP Secretário municipal de Educação de São Paulo
Garibaldo Alves
Geddel Vieira Lima
Geraldo Alckimin PSDB SP Governador
Geraldo Júlio PSB PE Prefeito de Recife (PE)
Geraldo Junior SD BA Vereador de Salvador (BA)
Geraldo Simões PT BA Ex-deputado federal
Giacobbo
Gilberto Kassab PSD SP 22 milhões
Gilmar Mendes
Gilmar Rinaldi PT RS Prefeito de Esteio (RS)
Gilmar Sossella PDT RS Deputado estadual
Gim Argello
Giovanni Ferreira Derrico PP BA Ex-vereador e ex-candidato a prefeito de Camaçari (BA)
Gladson de Lima Carmelli
Gláucia Brandão, ou “candidato Neves/MG” PSDB MG Ex-candidata a prefeita de Ribeirão das Neves (MG)
Gleise Hoffmann PT PR Senadora
Gonzaga Patriota
Guido Mantega PT SP Solicitou vantagem em prol da aprovação pela PREVI
Guilherme Maluf PSDB MT Deputado estadual
Guilherme Menezes
Gustavo Fruet PDT PR Prefeito de Curitiba
Heitor Luiz Lermen PT RS Ex-candidato a prefeito em Montenegro (RS)
Heitor Schuch PSB RS Deputado federal
Helder Barbalho PMDB PA 1,5 milhão
Helen Cabral PT RS Ex-candidata a prefeita de Santa Maria (RS)
Helio Costa
Henrique Eduardo Alves PMDB RJ Ex-ministro do Turismo
Heráclito Fortes PSB PI Deputado federal 200 mil
Humberto Carballal PV BA Vereador em Salvador (BA)
Humberto Costa, ou “Drácula” PT PE Senador Esquema de corrupção com o PAC SMS
Humberto Kasper Ex presidente da trensurb RS recebimento de propina em pros da contrução da Tensurb RS
Ideli Salvatti
Inaldo Leitão
Inocencio de Oliveira
Irapuan Teixeira
Iris Simões
Isaac Carvalho PCdoB BA Prefeito de Juazeiro (BA)
Isaias Sivestre
Itamar Serpa
Ivo Cassol PP RO 2 milhões
Jackson Barreto
Jacques Pena PT DF Ex-presidente do Banco de Brasília (BRB)
Jader Barbalho PMDB PA Senador
Jaime Martins
Jairo Jorge PT RS Prefeito de Canoas (RS)
Jaison Cardoso PSDB SC Prefeito de Imbituba (SC)
Jandira Feghali
Jaques Wagner PT BA Ex-ministro do Gabinete Pessoal da Presidência da República
Jarbas Vasconcelos Filho (Viagra) PMDB PE Candidato a vereador em Recife (PE), filho do deputado federal homônimo
Jeferson Andrade PP BA Prefeito de Madre de Deus (BA)
Fefferson Campos
Jefferson Morais DEM AL Ex-candidato a deputado estadual
Jeronimo Goergem
João Almeida PSDB BA Ex-deputado federal
João Alves DEM SE Prefeito de Aracaju (SE)
João Batista
João Bosco Vaz PDT RS Vereador em Porto Alegre (RS)
João Caldas
João Carlos Bacelar PR BA 250 mil
João Carlos Gonçalves Ex secretário Planejamento Rondonia 1milhão
João Carlos Zoghbi
João Carlos Nedel PP RS Vereador em Porto Alegre (RS)
João Correia
João Fischer, ou Fixinha PP RS Deputado estadual
João Hermann Neto
João Leão
João Magno
João Mendes de Jesus
Joao Pacifico PRB RJ Ex-vereador de Sumidouro (RJ)
João Paulo Cunha PT SP Ex-deputado federal
João Paulo Papa PSDB SP 600 mil
João Paulo Rillo PT SP Deputado estadual
João Pizolatto
João Ribeiro
João Sandes Junior
João Vaccari Neto
Jonas Donizette PSB SP Prefeito de Campinas (SP)
Jorge Bittar PT RJ Ex-deputado federal
Jorge Felippe PMDB RJ Vereador no Rio de Janeiro (RJ), onde preside a Câmara Municipal
Jorge Picciani, ou “Grego” PMDB RJ Deputado estadual, presidente da Assembleia Legislativa do RJ
Jorge Pinheiro
Jorge Samek PT PR Diretor-geral da Itaipu Binacional
Jorge Viana PT AC solicitou repasse não declarados para campanha de Tião Viana da Odebrecht
Jorge Vi PSDB AL Ex-candidato a deputado federal
José Agripino DEM RN Senador e presidente nacional do DEM
José Aníbal PSDB SP Suplente do senador José Serra (PSDB-SP) e ex-deputado federal
José Borba
José Camilo Zito PP RJ Ex-prefeito de Duque de Caxias (RJ)
José Carlos Aleluia DEM BA Deputado federal 580 mil
José Dirceu Pediu doações não declaradas as campamhas do filho Zeca Dirceu para Odebrecht
José Divino
José Feliciano PMN PE 750 mil
José Fortunati PDT RS Prefeito de Porto Alegre (RS)
José Jenoíno
José Janene
José Linhares
José Mentor
José Militão
José Nobre Guimarães
José Otavio Germano PP RS Deputado federal
José Pavan Júnior PSB SP Prefeito de Paulínia (SP)
José Priante PMDB PA Deputado federal
José Reinaldo PSB MA ajudou  em contratos com o governo do Maranhão e recebeu propina da Odebrecht
José Sarney, o “Escritor” PMDB AP Ex-senador e ex-presidente da República
José Serra PSDB SP Ministro das Relações Exteriores e senador licenciado 29 milhões
Josias Gomes
Josimar Campos de Souza , ou Mazinho PT RJ Presidente do Sindicato dos Trabalhadores na Construção de Duque de Caxias (RJ)
Jovair Arantes
Jovino Cândido PV SP Ex-prefeito de Guarulhos (SP)
Júlio Cesar
Julio Damesa Não identificado
Julio Lopes PP RJ Deputado federal 4 milhões
Junior Betão
Jussara Cony PCdoB RS Vereadora em Porto Alegre (RS)
Jussara Márcia PT BA Prefeita de Dias D’Ávila (BA)
Jutahy Magalhães Jr. PSDB BA Deputado federal 850 mil
Juvêncio da Fonseca
Kátia Regina de Abreu PMDB TO 500 mil
Kevin Krieger PP RS Vereador em Porto Alegre (RS)
Laura Carneiro
Lazaro Botelho
Leonardo Hoff PP RS Ex-vereador de Novo Hamburgo (RS)
Leonardo Prates DEM BA Vereador em Salvador (BA)
Leonel Pavan
Leonice da Paz PSC SP Ex-vereadora em Campinas (SP)
Lessa PT BA Vereador em Salvador (BA)
Leur Lomanto Jr.
Leur Lomanto Jr. PMDB BA Deputado estadual
Lideu Araújo
Lidice da Mata PSDB BA 200 mil
Lindbergh Farias, o “Lindinho” PT RJ Senador 4,5 milhões
Lino Rossi
Lúcia Vania
Luciano Ducci PSB PR Deputado federal
Luciano Resende PPS ES Prefeito de Vitória (ES)
Lucio Vieira Lima 1 milhão para aprovar MP Refis
Luis Carlos Heinze
Luis Fernando Pezão PMDB RJ Governador do Rio de Janeiro
Luis Paulo Correa da Rocha PSDB RJ Deputado estadual
Luis Tavares PT BA Ex-candidato a vereador em Camaçari (BA)
Luiz Antonio Fleuri
Luiz Antônio Guaraná PMDB RJ Conselheiro do Tribunal de Contas do Município do Rio de Janeiro
Luiz Argoto
Luiz Carlos Hauly PSDB PR Deputado federal
Luiz Carlos Ramos PTN RJ Deputado federal
Luiz Fernando Faria PP MG Deputado federal
Luiz Fernado Pezão
Luiz Gushiken
Luiz Inácio Lula da Silva
Luiz Marinho PT SP Prefeito de São Bernardo do Campo (SP)
Luiz Paulo Veloso Lucas PSDB ES Ex-deputado federal e ex-prefeito de Vitória (ES)
Luiz Sergio PT RJ Deputado federal
Lupércio Ramos
Maguito Vilela 1,5 milhão
Mandetta DEM MS Deputado federal
Mano Changes PP RS Deputado estadual
Manuela D’Ávila, ou “Avião” PCdoB RS Deputada estadual
Mão Santa
Marcelino Fraga
Marcelo Castro
Marcelo Crivella
Marcelo Essvein PDT RS Ex-vereador em Triunfo (RS)
Marcelo Malta PCdoB AL Ex-vereador em Maceió (AL)
Marcelo Nilo PSL BA Deputado estadual, presidente da Assembleia Legislativa da Bahia
Marcelo Sereno PT RJ Ex-candidato a deputado federal
Marcelo Teixeira
Marcia Lopes PT PR Ex-candidata a prefeita de Londrina, irmã do ex-ministro Gilberto Carvalho
Marcia Marques PMDB MS Ex-candidata a prefeita em Antônio João (MS)
Marcia Rosa PT SP prefeita de Cubatão
Márcio Biolchi PMDB RS Chefe da Casa Civil do governo gaúcho e deputado federal licenciado
Márcio Lacerda PSB MG Prefeito de Belo Horizonte
Marcio Marques dos Santos PCdoB RJ Ex-candidato a deputado estadual (RJ)
Márcio Pochmann PT SP Ex-candidato a prefeito de Campinas (SP)
Marcio Reinaldo Moreira
Marco Alba PMDB RS Prefeito de Gravataí (RS)
Marcos Arildo Prates da Cunha Ex presidente Trensurb RS recebeu propina para favorecer linha da Trensurb RS
Marco Aurélio
Marco Maia PT RS Deputado federal 1,35 milhão
Marcos Pereira PRB RJ 7 milhões
Marconi Perillo PSDB GO Governador de Goiás
Marcos Abramo
Marcos Cláudio Lula PT SP Vereador em São Bernardo do Campo (SP)
Marcos Daneluz PT RS Ex-deputado estadual
Maria do Carmo Lara PT MG Ex-deputada federal e ex-prefeita de Betim (MG)
Maria do Rosário PT RS Deputada federal 150 mil
Mário de Oliveira
Mário Kértesz PMDB BA Ex-prefeito de Salvador (BA)
Mário Negromonte JR PR SP 400 mil
Marquinho da Bola PSB SP Vereador de Campinas (SP)
Marquinho Fiorella PP SP Vereador de Paulínia (SP)
Mauricio Bacellar PTN BA Ex-candidato a prefeito de Camaçari (BA)
Maurício Rabello
Mauro Poeta PMDB RS Prefeito de Triunfo (RS)
Mauro Zacher PDT RS Secretário de Obras em Porto Alegre (RS), onde é vereador licenciado
Mendes Thame PSDB SP Deputado federal
Mendonça Filho DEM PE Ministro da Educação e deputado federal licenciado
Michel Temer
Milton Leite DEM SP Vereador em São Paulo (SP)
Milton Temer Psol RJ Ex-deputado federal
Missionário José Olimpio
Moisés Pinto Gomes Marido de Kátia Abreu 500 mil
Moreira Franco , o “Gato Angorá” PMDB RJ Secretário do Programa de Parcerias de Investimentos e ex-governador do RJ 4 milhões
Napoleão Bernardes Prefeito de Blumenau 500 mil
Neilton Costa PTB AL Vereador em Marechal Deodoro (AL)
Nelio Dias
Nelson Bornier PMDB RJ Prefeito de Nova Iguaçu (RJ)
Nelson Marquezan Jr. PSDB RS Deputado federal
Nelson Meurer
Nelson Pelegrino, o “Pelé” PT BA Secretário de Turismo da Bahia, deputado federal licenciado 2,8 milhões
Neuto de Lima
Ney Suassuna
Nilson Bonome PMDB SP Secretário de Governo de São Caetano do Sul (SP)
Nilton Capixaba
Odilio Balbinotti
Ovavo Calheiros
Omar Aziz PSD AM Propina para construção da ponte Rio Negro
Onyx Lorenzoni 175 mil
Orlando Tolentino PMDB PE Secretário de Governo de Petrolina (PE)
Osmanio Pereira
Osmar Terra PMDB RS Ministro do Desenvolvimento Social e Agrário e deputado federal licenciado
Osvaldo Reis
Oswaldo Barba PT SP Ex-prefeito de São Carlos (SP)
Oswaldo Borges da Costa Ex presidente da CDE de MG Repasses a Anastasia e Aécio
Otávio Leite PSDB RJ Deputado federal
Otomar Vivian PP RS Prefeito de Caçapava do Sul (RS)
Pablito PSDB MG Vereador em Belo Horizonte (MG)
Pablo Mendes Ribeiro PMDB RS Ex-candidato a vereador em Porto Alegre (RS)
Pastor Amarildo
Patrícia Sampaio PDT AL Suplente de deputada estadual, cargo que exerceu por quatro meses
Patrus Ananias PT MG Deputado federal e ex-ministro do Desenvolvimento Agrário
Paulinho da Força SD SP Deputado federal e presidente nacional do Solidariedade e da Força Sindical 1,200 milhão
Paulo Abi-Ackel PSDB MG Deputado federal
Paulo Afonso
Paulo Azeredo PDT RS Deputado estadual
Paulo Baltazar
Paulo Barbosa PSDB SP Prefeito de Santos (SP)
Paulo Bernardo PT PR Ex-deputado federal e ex-ministro do Planejamento e das Comunicações 3,24 milhões
Paulo Câmara PSDB BA Vereador em Salvador (BA), onde preside a Câmara Municipal
Paulo Cesar Melo de Sá PMDB RJ Deputado estadual
Paulo Feijó
Paulo Garcia, ou “Pastor” PT GO Prefeito de Goiânia (GO)
Paulo Henrique Lustosa PP CE 100 mil
Paulo José Gouveia
Paulo Lima
Paulo Magalhaes Jr. PV BA Vereador em Salvador (BA)
Paulo Magalhães
Paulo Mello
Paulo Pereira Silva
Paulo Pimenta
Paulo Rocha PT PA 1,5 milhão
Paulo Salim Maluf
Paulo Souto DEM BA Ex-governador da Bahia, secretário da Fazenda de Salvador (BA)
Paulo Teixeira PT SP Deputado federal
Paulo Vasconcelos repasse a Anastasia e Aécio
Pedro Augusto PMDB RJ Deputado estadual
Pedro Corrêa
Pedro Eugênio Pinheiro PT PE Ex-deputado federal (falecido)
Pedro Godinho PMDB BA Ex-vereador em Salvador (BA)
Pedro Godinho
Pedro Henrry
Pedro Paulo PMDB RJ 3,300 milhões
Pedro Serafim Jr. PDT SP Ex-prefeito de Campinas (SP)
Pedro Wilson
PH Lage PT Não identificado
Pinheiro do Sindicato PT BA Ex-candidato a vereador em Salvador (BA)
Pompeo de Mattos
Professor Irapuan
Professor Luizinho
Raimundo Colombo PSD SC Governador de Santa Catarina
Raimundo Santos
Randolfe Rodrigues Rede AP Senador
Ratinho Junior PSD PR Deputado estadual
Raul Jungmann, ou “Bruto” PPS PE Ministro da Defesa e deputado federal licenciado
Reginaldo Germano
Reinaldo Azambuja PSDB MS Governador de Mato Grosso do Sul
Reinaldo Betão
Reinaldo Gripp
Remi Trinta
Renan Calheiros, o “Atleta” PMDB AL Senador, atual presidente do Senado tem 4 inquéritos mais recebimento de propina de 500 mil
Renan Filho PMDB AL 800 mil
Renato Casagrande PSB ES Ex-governador do Espírito Santo e ex-senador
Renato Molling PP RS Deputado federal
Ribamar Alves
Ricardo Barbosa PT AL Ex-vereador em Maceió (AL)
Ricardo Barros PP PR Ministro da Saúde e deputado federal licenciado
Ricardo Ferraço PSDB ES 400 mil
Ricardo Lewandowski
Ricarte Feitas
Rio Jorge Felipe
Rita Camata PSDB ES Ex-deputada federal
Roberto Brandt
Roberto Carlos de Souza PSDB SC Prefeito de Navegantes (SC)
Roberto Cavalvanti
Roberto Egidio Balestra
Roberto Freire PPS SP Ministro da Cultura e deputado federal licenciado
Roberto Jefferson
Roberto Pereira de Brito
Roberto Santiago PSD SP Ex-deputado federal
Roberto Teixeira
Robinson Farias PSD RN recebeu junto com Rosalba Ciarlini350 mil
Rocha Loures
Rodney Miranda DEM ES Prefeito de Vila Velha (ES)
Rodolfo Tourino
Rodrigo Garcia SEN SP recebeu recursos não contabilizados na campanha para a Câmara em 2010
Rodrigo Jucá filho de Romero Jucá 150 mil
Rodrigo Maia DEM RJ Deputado federal 1,050 Milhão
Rodrigo Neves PV RJ Prefeito de Niterói (RJ)
Rogério Marinho PSDB RN Deputado federal
Romero Jucá PMDB RR Senador além de 5 inquéritos recebeu propina de 10 milhões
Romero Rodrigues PSDB PB Prefeito de Campina Grande (PB)
Romeu Queiroz
Romulo Gouveia
Ronaldo Cunha
Ronaldo Dimas
Ronaldo Lessa PDT AL Deputado federal
Ronaldo Zulke PT RS Deputado federal
Rosalba Ciarlini Prefeita de Mossoró RN recebeu junto com Robinson Faria em 2010 350 mil
Roseana Sarney PMDB MA Ex-governadora do Maranhão e ex-senadora
Rosinha da Adefal PTdoB AL Secretária de Defesa da Mulher do governo de Alagoas, ex-deputada federal
Rosinha Garotinho PR RJ Prefeita de Campos dos Goytacases (RJ)
Rui Palmeira PSDB AL Prefeito de Maceió (AL)
Sandro Mabel
Saraiva Felipe
Sebastião Almeida PT SP Prefeito de Guarulhos (SP)
Sergio Aquino PMDB SP Ex-candidato à prefeitura de Santos
Sergio Cabral
Sérgio Cabral, o “Proximus” PMDB RJ Ex-governador do Rio de Janeiro
Sergio Moraes
Sergio Petecão
Sergio Sveiter
Sergio Zambiasi PTB RS Ex-senador
Sergio Zveiter PSD RJ Deputado federal
Severino Branquinho PSB PE Prefeito de Bezerris (PE)
Severino Cavalcante
Silas Brasileiro PMDB MG Deputado federal
Sílvio Camelo PV AL Vereador em Maceió (AL)
Silvio Pereira
Simão Sessim
Soninha Francine PPS SP Ex-vereadora em São Paulo (SP)
Suly Campos
Tarcísio Zimmermann PT RS Deputado estadual
Tarsila Crusius PSDB RS Candidata a vereadora em Porto Alegre, filha da ex-governadora Yeda Crusius (PSDB-RS)
Tarso Genro PT RS Ex-governador do Rio Grande do Sul e ex-ministro da Justiça
Tatico
Teté Bezerra
Thelma de Oliveira
Theotônio Vilella PSDB AL Ex-governador de Alagoas
Thomaz Beltrão PT AL Ex-candidato a vereador em Maceió (AL)
Tião Bocalon DEM AC Ex-prefeito de Acrelândia (AC) e ex-candidato ao governo do Acre pelo PSDB
Tião Viana PT AC 2 milhões
Tito PT SP Deputado estadual
Tonha Magalhães PR BA Ex-deputada federal e ex-prefeita de Candeias (BA)
Toni Proença PPL RS Vereador em Porto Alegre (RS)
Ulisses Cesat Martins de Sousa Ex procurador Maranhão pediu propina a Odebrecht
Urzeni Rocha
Vadão Gomes
Vado da Farmácia sem partido PE Prefeito de Cabo do Santo Agostinho (PE) 750 mil
Valdemar Costa Neto PR SP recebeu vantagens da Odebrecht pela execução da Ferrovia Norte-Sul
Valdir Raupp PMDB RO 20 milhões
Valmir Amaral
Valterb Alves
Vander Loubet PT MS Deputado federal 50 mil
Vanderlei Assis
Vanderlei Siraque PT SP Ex-deputado federal
Vanessa Damo PMDB SP Deputada estadual
Vanessa Graziotin PCdoB AM Senadora recebeu vantagem cx 2
Vânia Galvão PT BA Vereadora em Salvador (BA)
Vicente Candido 50 mil
Vicentinho PT SP 45 mil
Vieira Reia
Vilson Covatti
Vital do Rego Filho PB Minstro do TCU 350 mil
Vitor Penido
Vittorio Medioli
Waldir Pires PT BA Vereador em Salvador (BA)
Wambert Di Lorenzo PSDB RS Candidato a prefeito em Porto Alegre (RS)
Wanderval Santos
Wellington Dias PT PI Governador do Piauí
Wellinton Fagundes
Wellington Roberto
Wellington Salgado
Wilson Martins PSB PI Ex-governador do Piauí
Wladimir Costa
Yeda Crussius PSD RS 1,75 Milhão
Zé Geraldo PT PA Deputado federal
Zeca Dirceu PT PR 250 mil
Zeca do PT PT MS 400 mil
Zelinda Novaes