Páginas

Até quando vamos depositar confiança em políticos PINÓQUIOS?

Estamos agora, nos defrontando com o segundo turno da campanha 2012, para a prefeitura de Florianópolis SC.

O que temos visto, senão aquelas velhas campanhas, crivadas de mentiras e ataques pessoais, picuinhas que não levam a nada, exceto deixar o eleitor confuso.

Chegam a ser tão ridículas que o eleitor já prevê baseados nos históricos, que nunca serão cumpridas, e quando alguém comenta ou abre os olhos dos concorrentes pinóquios, eles partem para os ataques pessoais com picuinhas, tentando ludibriar a atenção do eleitor.

Não se sabe o porque tanta ganacia pelo status do poder, exceto a desconfiança de ser para benefício próprio.

Um dos candidatos pinóquios, parte para a promessa ridícula de construção de creches, esquecendo-se de prioridades essenciais para o município, como por exemplo a reestruturação de esgoto de Florianópolis, cujo emissário para potecas corre a ceu aberto pela praia  do Balneário, está prometendo tanta creche que deverá fazer até creche flutuante, para as pobres mamães poderem trabalhar, no mesmo instante em que centenas destas mesmas mamães estagiárias da Prefeitura de Florianópolis, encabidadas pelo governo da situação, estão preocupadas e depressivas, pois a perspectiva é que serão sumariamente DEMITIDAS pelo pinóquio Cesar Souza Jr. caso vença as eleições, pois já mandou o recado para aqueles pobres servidores.

Em contra partida, o candidato pinóquio Gean, da situação,  faz a promessa sobre redução para zero, da passagem do ônibus para estudantes, cujos recursos viriam de multas de transito (industria das multas), e agora está falando em mobilidade, quando nunca se preocuparam durante os OITO ANOS DE MANDATO e sequer animaran-se em mandar alargar os passeios com simples recuo dos muros de algumas ruas do Balneário que obrigam o pedestre a se precipitar para a via pública, e se não acredita é só visitar o Bairro, não precisa andar muito, basta trafegar pelas paralelas Ruas Raimundo Correia e Navegantes.

Hoje dia 21 de outubro, durante as primeiras horas da manhã, ouvi por acaso rechaça de Gean Loureiro contra seu oponente Cesar Souza, lamentando sobre os ataques sofridos na mídia, citando os casos dos 2,5 milhões pagos a Andréa Bochelle e desaparecidos,  do nepotismo praticado em 2005 e chegando a ser hilário quando afirmou que se não fosse ele (Gean) o preço das passagens seriam sete vezes maiores que a atual, ou seja próximo aos R$ 20,00 reais.

Depoimentos como este, deixam o eleitor de antena em pé e com cara de idiota, pois é óbvio que isto é uma inverdade descabida, …vejamos, o preço atual cobrado pelo monopólio Emflotur atualmente já é um assinte ao bolso do contribuinte, pois todos estamos convictos e temos a certeza que o transporte publico municipal de Florianópolis se não for o mais caro, é um dos mais aviltantes do País, e campanha propositiva para este caso seria ABRIR LICITAÇÃO JÁ antes que ocorra a primeira greve da classe de motoristas e cobradores, forçando a empresa a tomar outro direcionamento, e não ficar com discussão com a empresa e seus mandatários.

A carta na manga é esta, a Prefeitura precisa promover imediatamente, antes que encerrem as eleições abrir licitação para mais duas ou tres empresas para explorarem o circuito de onibus dentro de Florianópolis SC, vivemos num País capitalista e a concorrencia é salutar.

Estas picuinhas entre os candidatos precisam acabar, e a inércia do TRE de Santa Catarina já deveria ter metido o relho em ambos os candidatos que estão se comportando como moleques ao invés de fazerem campanhas propositivas, ou seja, APRESENTAR PROJETOS, ONDE SERÃO DESENVOLVIDOS, COM QUE RECURSOS E OS REAIS OBJETIVOS, ao invés de ficarem trocando farpas com assuntos pessoais.

Referente ao Parque de Coqueiros, sou testemunha viva que o projeto foi iniciado pela comunidade de Coqueiros através de seu presidente Dr Hamilton com parceria da CAIXA AG COQUEIROS na gestão do Gerente Orlando Elpo Filho,  que cedeu a sala e uma linha telefonica por mais de um ano para os trabalhos de Marketing daquela comunidade, e o terreno do parque  foi cedido sem nenhuma benfeitoria, pela Prefeitura na gestão de Angela Amim, portanto quem vitalizou o parque foi mesmo somente a comunidade junto com a parceira CAIXA, e quaisquer alegações diferentes dessa, são inverdades.

Eu e meus familiares que somos contrários ao voto obrigatório, estamos fazendo o propósito de votar NULO como fizemos no primeiro turno, em protesto ao TSE ao TRE SC que não toma providencias e aos candidatos por falta de postura ética.

Ao meu ver, o TRE SC deveria obstar ambos os candidatos por suspeição, e promulgar como prefeito o mais votado abaixo destes, no caso Angela Albino e encerra-se este episódio lamentável com chave de ouro.

Mafrinha

2 comments to Até quando vamos depositar confiança em políticos PINÓQUIOS?

  • Every weekend і usеd tο νisit this
    website, because i wish for enϳoуment, sincе thiѕ this wеbѕite сonations actuallу fastidious funnу stuff too.

  • elias.maf

    É verdade, sou mesmo exigente demais, mas não custa nada um furacão em Brasília só pra fazer uma limpeza!
    Abraço
    Mafrinha

Deixe seu comentario

 

 

 

Se desejar, pode usar tags em HTML

Crie aqui seu avatar para seus comentarios

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>