Páginas

Empresa Fantasma do Rio de Janeiro trola governo do Estado de Santa Catarina em 33 milhões!

Chega a ser absurdo e de uma irresponsabilidade sem precedentes que um Estado da Federação como Santa Catarina, deixe a porta de seu cofre escancarada a revelia, e deixe voar pelos ares R$ 33.000.000,00 (trinta e tres milhões de reais) sem que uma mão forte, um tesoureiro ou alguém responsável  detivesse a evasão do tão precioso dinheiro!

Então derrepente não mais que derrepente uns espertinhos zés arruelas da baixada fluminense que nem endereço tem, vendem 200 aparelhos respiratorios superfaturados com direito a propina, para o Estado de Santa Catarina, e o Governador boca aberta não sabe quem comprou nem quem liberou o dinheiro dos cidadãos catarinenses e exclama publicamente que vai apurar responsabilidades!

Imediatamente após o assalto, o governador com cara de abobado se questiona hã, o quê, onde? quem foi? vou apurar!

Não há o que explicar  cara-pálida, esta tamanha desfacatez  em querer culpar o periquitinho da austrália, isto se chama, falcatrua, crime de responsabilidade do Governo pois ele Moisés o profeta da atualidade, é responsável direto pelos atos de seus prepostos.

O povo deseja saber que falcatrua é esta, de um Estado tão aparelhado por controladorias e secretarias, e clama para que a Policia Federal interdite imediatamente este desgoverno, pois além do “super faturamento” existe algo mais por tras dessa camorra mal explicada de Carlos Moisés.

Por acaso seria caixa dois para nova campanha eleitoral do bombeiro boca mole?     Parece que sim!

Não se trata de pixuleco, e ou dinheiro de esmolas, é dinheiro grosso que se evadiu dos cofres públicos, e quem liberou o fez maldosamente e a revelia que podemos apelidar de COVIDÃO!

O cofre de um banco qualquer mesmo assegurado e com pouco numerário, quem abre é empregado qualificado tesoureiro, este tem licença para tal, possui senha especifica com chave de segurança, tempo para abri-lo e fecha-lo novamente e reprogramado para abrir em determinado horário por questões de segurança, somente o do cofrinho de plástico do Estado se parecece com o porquinho de barro onde qualquer um quebra, passa a mão boba e tira o quanto desejar!

O nome disso chama-se CRIME DE RESPONSABILIDADE e ou IMPROBIDADE ADMINISTRATIVA!

É óbvio que esta podridão semelhante ao das ambulância do governo PT, agora entitulado COVIDÃO sem contar com as sacanagens das macas de hospitais que recebem incentivo fiscal, pois sabe-se que se a maca contiver doente acometido por COVID 19 num hospital, este recebe subsídios.

Parece-me que ninguém ainda percebeu que na atualidade só se morre por COVID.  É claro com maca hospitalar subsidiada, tem neguinho que morre por AVC e ou de gripe por influenza, cancer etc…..e depois antes de ir pra perícia do necrotério lhe aplicam uma injeção com COVID para justificar o subsídio.

Esta pandemia está virando uma máquina de fazer grana suja, envolvendo Governadores de vários estados prefeituras servidores e empresários que descobriram os caminhos de Ali-bá-bá onde o PT já afundou o chão de tanto caminhar.

O periquitinho da austrália já pediu demissão do puleiro, e o papagaio foi junto, agora só falta o boca mole dono da gaiola dizer o porquê deixou a porta escancarada.

O Ministério Público anunciou que irá bloquear a conta da empresa fantasma, do papagaio e do periquitinho, mas se tiver saldo de dois reais igual a minha conta, os trinta e tres milhões já estarão batendo asas lá pras Ilhas Caimãs ou algum outro paraíso fiscal quiçá em nome do bombeiro esperto e ou seus laranjas.

Nós catarinenses, exigimos urgentemente alguma explicação plausível governador Moisés!

Parece-nos que o COVID 19 não só é um vilão na questão da saúde!

Deixe seu comentario

 

 

 

Se desejar, pode usar tags em HTML

Crie aqui seu avatar para seus comentarios

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>